Freelancer: Saiba quanto você deve cobrar pelos seus serviços

Cada vez mais profissionais abandonam o trabalho fixo em empresas para se dedicar a uma carreira mais flexível: a de freelancer.

Sendo freelancer, o profissional pode escolher o tipo de trabalho que deseja fazer, o horário em que vai trabalhar e até mesmo os seus clientes.

É Freelancer ? Saiba como fazer para descobrir quanto você deve cobrar pelos seus serviços prestados.

No entanto, uma dúvida assola grande parte dos freelancers: quanto cobrar pelo serviço realizado. A dúvida faz até mesmo com que muitos profissionais cobrem menos do que deveriam por seu trabalho.

Confira um passo a passo e algumas dicas para saber como cobrar por seu trabalho.

 Passo a passo para saber quanto cobrar

  1. Calcule quanto precisa ganhar: este valor representa o mínimo necessário para que seus gastos sejam pagos. Ou seja, não é ainda quanto o profissional deseja ganhar, mas sim quanto precisa ganhar, para suprir suas próprias despesas e as despesas operacionais, como aluguel do escritório, contas, taxas, entre outros.

CONFIRA TAMBÉM: Agências de emprego em Sorocaba

  1. Pesquise a média de preços: consulte qual é a média de preços para a função exercida, para ter uma ideia de quanto é possível cobrar. Não adianta querer cobrar um valor que ninguém estará disposto a pagar.
  1. Média de horas trabalhadas: confira quantas horas será necessário trabalhar por mês. O comum é de 160 horas, mas defina um limite realista e que você consiga cumprir. 

Considere feriados, fins de semana e alguns dias de folga caso fique doente, por exemplo. Subtraia deste total o tempo em que não estará ganhando dinheiro, como o tempo gasto com relacionamento com clientes, por exemplo.

  1. Margem de lucro: sobre o valor que precisa ganhar, acrescente uma margem de lucro entre 10 a 30%. 

Esta margem vai ajudar a formar uma reserva quando precisar de uns dias de folga, ou naquele mês em que não apareceu tanto trabalho. Além disso, pode ser usado como margem para desconto se necessário.

Depois de chegar ao valor total, divida este valor pela quantidade de horas que pretende trabalhar, calculadas no passo 3. O resultado será um valor aproximado de quanto poderá cobrar pelo seu trabalho como freelancer, de forma realista.

você pode gostar também