Dicas para aumentar a vida útil do pneu

Confiram quais as principais dicas para aumentar a vida útil do pneu, a fim de economizar com trocas constantes e danos ao material.

A vida útil do pneu depende de vários fatores: hábitos de condução (arranque desmontável = ruim), onde e como ele é armazenado (estacionado em uma garagem = bom), clima, a mistura de material do pneu, design, hábitos de manutenção e condições das estradas.

A maioria dos pneus (dirigidos um número típico de quilômetros em condições normais de serviço) se desgasta após três ou quatro anos na estrada. 

Todos os fabricantes recomendam inspeção profissional anualmente após cinco a seis anos de serviço e remoção em 10 anos, independentemente da condição.

As melhores garantias (loja de pneus Michelin, Bridgestone ou Continental) do setor expiram após seis anos de serviço, independentemente da quilometragem.

Dicas para aumentar a vida útil do pneu

Para obter o máximo de vida útil do pneu ou de um novo conjunto de pneus, os fabricantes recomendam as seguintes práticas de manutenção de pneus:

Balanceamento e alinhamento

Ter as rodas balanceadas e obter um alinhamento na instalação. 

Rodas desbalanceadas ou desalinhadas causam desgaste irregular e prematuro dos pneus, reduzindo a vida útil do pneu. Comece seus pneus novos com uma ardósia limpa.

Além disso, se você sentir que seu carro está constantemente desviando para um lado em uma estrada reta, verifique o alinhamento o mais rápido possível.

Pressão do pneu

Verifique a pressão dos pneus regularmente — com a frequência mensal! 

A pressão excessiva ou insuficiente é a outra causa significativa do desgaste irregular dos pneus, envelhecendo prematuramente os pneus.

Use a tabela de referência na moldura dentro da moldura da porta do motorista para determinar a faixa de inflação adequada para seu veículo e mantê-la dentro da tolerância. 

A verificação regular da pressão com um medidor digital também permite inspecionar os pneus quanto a desgaste irregular, rachaduras, anormalidades, danos e a aparência de faixas indicadoras de desgaste que sinalizam a necessidade de substituição.

Rodízio de pneus

Quanto mais tempo um pneu ficar na mesma posição em seu carro, maior a probabilidade de ele se desgastar para se adequar às peculiaridades daquela curva. 

A rotação dos pneus a cada 10.000 km mantém todos os pneus desgastados uniformemente, prolongando a vida útil do pneu.

Pneus adequados

Use de forma consistente com o design do pneu. Utilize os pneus de inverno apenas nos meses mais frios e pneus de verão apenas nos meses de tempo bom.

Estender o uso em uma temporada para a qual não foram projetados pode acelerar o desgaste, causar danos aos pneus e comprometer a segurança.

Além disso, ao comprar pneus, verifique se realmente está adquirindo os modelos ideais para o seu veículo (tamanho e tipo – estrada ou offroad).

Veja também: Curiosidades sobre os carros mais vendidos.

Fatores que encurtam a vida útil do pneu

Além de seguir as práticas acima, evite essas outras situações que podem danificar seus pneus ou reduzir sua vida útil:

Estacionamento inadequado

Armazenar seu carro com peso nos pneus pode enfraquecer as paredes laterais ou causar manchas planas. Qualquer um pode afetar a segurança e o desempenho de seus pneus, além de diminuir sua vida útil.

O material que compõe a superfície do pneu também responde a fatores ambientais como luz solar forte, ozônio (produzido por motores elétricos) e umidade.

O armazenamento inadequado expondo os pneus a essas forças destrutivas pode causar danos por rachaduras e podridão seca.

Classificação imprópria

Os fabricantes classificam cada modelo de pneu para classificação de carga e velocidade (velocidades mais rápidas geram mais atrito, o que significa mais calor). 

Instalar um pneu não classificado para suas necessidades específicas provavelmente danificará o pneu e fará com que ele falhe – um risco que ninguém deve correr.

Mistura de pneus

Idealmente, você deve instalar o mesmo pneu em todo o seu veículo se quer aumentar a vida útil do pneu. A mistura de estilos ou antigos e novos coloca um estresse desigual nos pneus e acelera o desgaste, muitas vezes resultando em danos.

E a mistura de pneus comprometerá sua segurança. 

Se você precisar trocar um pneu danificado em seu veículo, pelo menos faça isso em pares e mantenha-os no mesmo eixo.

Consulte seu mecânico ou instalador de pneus, pois práticas específicas devem ser usadas para instalação e rotação, a fim de promover a segurança e evitar danos ao veículo.

você pode gostar também